Imobiliária em Belo Horizonte
atendimento@rscorretordeimoveis.com

Notícias do mercado imobiliário

Competitividade no mercado

Bom, em tempo de "crise", os profissionais tende a reclamar de baixa nas vendas, isso de forma geral em qualquer segmento, pois de alguma forma estamos todos interligados a tudo.

Nesse momento começa a se destacar a criatividade de um e de outros, o que eu penso com relação a isso é que " batata frita e cerveja gelada, qualquer boteco tem, o que faz você ir nesse ou naquele é o diferencial". Como conseguir esse diferencial, o que é esse diferencial, claro que todo mercado tem o seu segmento, clientes específicos, metodologias de mercados diferentes, e mais. Acredito que as pessoas que detem o conhecimento, sai na frente, se destaca dos demais.

Você não pode ser apenas criativo, porque se não a sua criatividade é momentânia, as outras pessoas do mesmo segmentos copiam e aperfeiçoam e passa você pra trás. Agora se você detem o conhecimento do mercado, do seu ramo, quando você usa a sua criatividade no seu negócio, você tem o domínio da consequência que pode gerar, com que amplitude e saberá sustentar a sua ação criativa.

Porque estou falando isso tudo, é natural uma competição interna em uma corretora de imóveis, gerada por corretores, por ciúmes de um está se destacando mais que o outro. Pare, pense e analise friamente se o corretor que está se destacando é detentor de mais conhecimento que os outros, por isso, evite o conformismo, estude, faça mudança em seu comportamento, o corretor de imóveis, é autônomo, só ele pode fazer alguma coisas por ele mesmo, o que a empresa pode dar é uma sustentabilidade a sua carreira, mas quem a direciona é o próprio corretor.

O corretor de imóveis não pode confundir as coisas, querer a desgraça de um amigo de empresa ou um colega de profissão, a concorrência é um impulso para que você deixa acontecer uma mudança de comportamento, mudanças essas que poderá vir de todos os sentidos, intelectual, comportamental, atendimento ao cliente e outros.

Tenha dentro de você um espírito competidor, cria metas pessoais, metas que seja possíveis de alcançar, porque se está em um sentimento de inveja, pra baixo e cria uma meta quase impossível de alcançar, vai gerar dentro de você uma frustação pessoal que poderá piorar todo o processo. No final de 30 dias, você verá que foi capaz de conseguir, ai sim, aumenta um pouquinho a meta para os próximos 30 dias, etc...dentro de um padrão desejável, irá perceber que melhorará dia após dia e o sentimento de ciúme com o colega de escritório ou profissão não era problema dele e sim seu.

Nesse tempo de crise, enquanto tem gente chorando e reclamando, tem gente vendendo lenço e rindo.

Renato Sathler
16/12/2015

Últimas notícias